Falar a linguagem do cliente : é simples mas nem todos praticam!

Olá meninas e meninos!

Hoje vamos falar de um assunto “importantíssimo” na comunicação e, consequentemente, para aumentar a popularidade do seu negócio! A importância de “ falar a linguagem do cliente ”.

Mandela bem sabia…

Nelson Mandela – considerado um dos grandes líderes do século – certa vez falou: “Se você falar com um homem em uma linguagem que ele entenda, isso vai para a mente dele. Mas se você falar com ele na linguagem dele, isso vai para o seu coração”. Isso ilustra a  importância de falar a linguagem do cliente.

Cinco minutos para uma boa impressão

Estudos indicam que você tem cerca de 5 minutos ou menos para causar uma primeira boa impressão. Isso significa que esse é o tempo em média que você dispõe para convencer o cliente de que é a pessoa certa para ajudá-lo na solução de seu problema e satisfazer suas necessidades.

Portanto, você precisa entender com que tipo de cliente você está tratando e o que ele provavelmente está querendo, o mais breve possível. A melhor e mais rápida maneira de conseguir isso é falar a linguagem do cliente.

falar a linguagem do cliente - makes e modas

O próximo passo

Após os clientes “comprarem” a sua imagem, falar a mesma linguagem deles vai facilitar a comunicação e o diálogo. Isso é sempre uma boa oportunidade para conhecê-los melhor, saber o que fazem, perguntar se eles têm quaisquer necessidades especiais ou sugestões, e para deixar claro que são sempre bem-vindos.

Durante as conversas tente captar amostras de comportamentos, hábitos, tendências, palavreado, etc. Essas informações são úteis para ajudar você a entender os seus gostos e anseios, e como atendê-los conforme as expectativas.

Tente ser o mais natural possível, em vez de tentar impressionar; e use uma linguagem simples, em vez de termos técnicos complicados que só o deixarão mais confuso.

.

O corpo também fala ( muito) !

A comunicação não verbal é também conhecida como “linguagem corporal”. Na prática são as maneiras que usamos para nos comunicar onde não são utilizadas palavras ou linguagem escrita. Ex: gestos, trejeitos faciais, posturas corporais, movimentos corporais, tons de voz, timbre, etc. Isso mesmo, muitas vezes um simples gesto ou expressão facial pode revelar exatamente como pensamos, sem que seja dita uma só palavra!

E o mais interessante! Pesquisas indicam que cerca de 90% das mensagens emitidas pelas pessoas são transmitidas de forma não verbal. Ou seja, o seu corpo fala mais que a sua boca.

 

Parece óbvio, mas a maioria não pratica.

Embora as dicas acima possam parecer “óbvias”, é incríiiveell como a maioria dos profissionais não as praticam.

Portanto, aqueles que as seguem “largam na frente”. Isso porque falar a linguagem do cliente faz com que você consiga entender melhor o que o cliente “realmente” precisa, para que possa atender melhor as suas necessidades!

Lembre-se: “cliente satisfeito volta, e geralmente traz outros consigo”.

Obs: trechos extraídos do livro “Como conseguir mais clientes e aumentar suas vendas” , (de nossa autoria).

Bjos!!!

Leia outros artigos:

Josiett Santos

About Josiett Santos

Consultora de Beleza, Maquiadora Profissional e Promotora de Eventos. Instrutora de cursos na área de Maquiagem e Beleza em geral. Autora do livro: “Os sete hábitos dos Profissionais de Beleza Altamente Eficazes”.